BARREIRAS SANITÁRIAS INTENSIFICAM FISCALIZAÇÃO NO TRANSPORTE PÚBLICO

Como forma de prevenção ao novo coronavírus, a Prefeitura de Magé está intensificando as ações de fiscalização na barreira sanitária do Parque Caçula, no sexto distrito. A equipe está verificando o cumprimento da obrigatoriedade do uso de máscara tanto do motorista quanto dos passageiros do transporte público municipal e intermunicipal.

“Estamos verificando a utilização de máscaras pelos passageiros e pelo motorista. Quando o passageiro é encontrado sem, automaticamente é retirado do coletivo, sendo anotado em seguida o registro do ônibus para notificamos a empresa. Caso ocorra o descumprimento do decreto pelas linhas de ônibus, há penalidades como infração de multa”, disse o diretor de Turismo, Caio Bordignon, que faz parte das equipes que foram deslocadas para atuar nas barreiras sanitárias de Magé.

De acordo com o Decreto Municipal nº 3.353/2020, todos os veículos de transporte público de passageiros, ao passarem pela barreira, devem cumprir requisitos que serão verificados pela fiscalização municipal. Empresas de transporte público estão sujeitas a multa em caso do não cumprimento das normas decretadas. São 11 barreiras instaladas em todo o município de Magé, numa ação conjunta de equipes mistas de diferentes setores da Prefeitura e da Guarda Municipal.

“Diariamente são abordados cerca de 320 veículos, sendo 280 ônibus das empresas que prestam serviços e passam por dentro do município como a União, Machado, Vera Cruz e Trel. Em relação às pessoas sem máscaras, abordamos em média de 10 a 15 pessoas, aumentando nos finais de semana”, afirmou.