CAPS INFANTOJUVENIL PROMOVE PALESTRA DE CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE SAÚDE MENTAL

As ações fazem parte do cronograma da campanha Janeiro Branco

Fotos: Eduardo Campos

O Centro de Atenção Pscicossocial Infantojuvenil – CAPSi organizou, na última segunda-feira (13), em Magé, a palestra ‘Como prevenir e lidar com o bullying, automutilação e suicídio na infância e adolescência’, que faz parte da programação da campanha nacional Janeiro Branco, que está relacionada à conscientização sobre o cuidado com a saúde mental e bem-estar da população.

Segundo a coordenadora de Saúde Mental, Michelle Medeiros, as ações seguirão durante todo o mês de janeiro. “Vamos divulgar o cronograma da campanha nas páginas da Prefeitura e da Secretaria de Saúde com as datas das atividades nas unidades de Saúde Mental , que serão abertas ao público. Dessa vez, estamos abrindo as inscrições uma hora antes do início do evento para quem estiver interessado, porém as vagas são limitadas”, esclareceu Michelle, que disse, ainda, que nas ações acontecerão palestras e rodas de conversa, como forma de prevenção e conscientização sobre o assunto.

Mariana Pedrosa, psicóloga do Ambulatório de Saúde Mental, destaca a importância de falar sobre o cuidado da saúde mental com a população, pois para ela, essa iniciativa serve para abrir as possibilidades de cuidados, pois tanto a criança, quanto o adolescente que passa por este sofrimento, muitas vezes não é compreendido e não recebe o apoio necessário no meio em que vive.

“Nós falamos de prevenção e também de promoção em saúde. Queremos incentivar as pessoas a buscarem este cuidado, não só com psicólogos ou psiquiatras, mas também com outros serviços que vão estimular uma melhor qualidade de vida. O Janeiro Branco tem muita importância para a gente, pois hoje nós trabalhamos muito com a questão da infância e adolescência, que é o público que o Capsi atende. Nesta manhã, nós esclarecemos muitos pontos que muitas vezes, no senso comum, são vistos como frescura ou pirraça, além de aprender com as experiências dos pais e entender como é essa dinâmica, e também fazê-los entender que eles podem buscar esses cuidados aqui”, explica Mariana.

“Aqui nós não encontramos só o profissionalismo, mas também amor e dedicação de cada profissional. O fato de você ser abraçada por eles é muito importante, porque a gente já vem de uma situação de muito abalo e crítica. Chegar aqui e encontrar um sentimento de amor e como os nossos filhos são tratados, é uma coisa que o dinheiro não pode comprar. Nós pais precisamos ser fortes, para que nossos filhos fiquem fortes. Aqui encontrei a esperança de dias melhores. A sociedade precisa ver que os nossos filhos são diferentes, porém, ao mesmo tempo, são iguais a todos”, desabafou, emocionada, a dona de casa Ana dos Santos Duarte.

Confira programação da campanha Janeiro Branco 2020:
AMBULATÓRIO DE SAÚDE MENTAL
Data: 20/01/2020
Horário: 10h
Sala de espera com o tema: Depressão e ansiedade: sintomas, tratamentos, e prevenção.
CAPS LÍDIA MENEZES
Data: 20/01/2020
HORÁRIO: 15:00h
Roda de conversa com depoimentos de usuários, ex-usuários e profissionais da Saúde Mental. Tema: “Estratégias Para Manter Uma Boa Saúde Mental”
CAPS AD DE PIABETÁ
Data: 23/01/2020
Horário: 9h30
Palestra com o tema: republique-se. Reinvente-se. E transforme-se na melhor edição feita por você.
CAPS AD DE MAGÉ
Data: 29/01/2020
Horário: 10h
Roda de conversa e dinâmica com o tema: promoção de conhecimento sobre estratégias para lidar com os transtornos mentais mais frequentes, inclusive aqueles ocasionados pelo uso de álcool e outras drogas.