CENTRO DE COVID COMPLETA DOIS MESES COM 51 PACIENTES RECUPERADOS

No último dia 17, o Centro de Tratamento para a Covid-19 em Santo Aleixo, no segundo distrito, completou dois meses desde a inauguração. Nesse tempo, a unidade, que funciona como um hospital de retaguarda para pacientes com quadro clínico grave a moderado, já soma 51 altas hospitalares.

O Centro conta com 20 leitos intensivos equipados com respiradores, bombas infusoras e monitores, além de 10 leitos de estabilização. A unidade possui ambulância própria, recebida como doação da Secretaria Estadual de Saúde e equipada como unidade móvel avançada pela Secretaria Municipal de Saúde.

Além de todo aparato para combater o novo coronavírus, a equipe especializada conta com infectologistas, médicos intensivistas, fisioterapeutas intensivistas, enfermeiros, técnicos de enfermagem, nutricionistas e radiologistas.

Junior Reis, diretor do Centro de Tratamento de Santo Aleixo, afirma que a taxa de ocupação atual da unidade é de 30%, e há pacientes com previsão de alta. “Estamos há cerca de 15 dias sem pacientes entubados e sem óbitos no Centro. Os pacientes que têm chegado são pacientes em estado moderado”, contou o diretor.

Quem precisou de atendimento no Centro de Tratamento para a Covid-19 elogia o atendimento. Edson Luiz, morador de Piabetá, esteve internado em outros hospitais, mas foi no Centro de Covid que ele venceu o coronavírus. “Fui super bem tratado pelos enfermeiros, médicos, fisioterapeuta… Tinha hora de almoço e lanche, tudo certinho e limpinho. O que o paciente precisava para se recuperar tinha em Santo Aleixo”, elogiou Edson.