MAGÉ LANÇA ALVARÁ ON-LINE PARA ALAVANCAR O EMPREENDEDORISMO

Empreender ficou mais fácil. Na última quinta-feira (20), a Prefeitura de Magé, por meio da Secretarias de Fazenda e Indústria, Comércio, Desenvolvimento Econômico e Políticas Públicas, realizou o lançamento do Alvará Online, do Programa de Consultorias da Rede Simples. O serviço é oferecido em parceria com o Sebrae e com a Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro (JUCERJA), para facilitar a abertura de novas empresas e incentivar o crescimento econômico.

Realizado no Magé Tênis Clube, o evento realizou a entrega dos primeiros alvarás emitidos via online para os empresários do município. Uma apresentação do Sebrae explicou o novo fluxo de procedimentos para emissão de licenças e alvarás on-line junto ao sistema informatizado que integra os órgãos públicos envolvidos no Regin – Registro de Empresas.

“A emissão do alvará on-line é um importante processo de desburocratização, tendo em vista que conseguimos liberar o alvará digitalizado em até 48h, já com as licenças do Meio Ambiente e do Corpo de Bombeiros. Somos pioneiros nesse quesito na Baixada Fluminense e estamos trabalhando para melhorar o ambiente de negócios, trazer indústrias, trazer empregos e formalizar o que está ilegal”, ressaltou o prefeito.

A cerimônia de lançamento contou com diversas autoridades do poder público e com representantes dos órgãos públicos integrados ao Regin. Durante o evento, o prefeito Rafael Tubarão recebeu o certificado pela implantação do alvará on-line no município.

“Hoje, efetivamente, o empreendedor mageense tem acesso a essa facilitação graças a desburocratização na emissão dos alvarás. Com esse serviço, Magé vai conseguir ter um maior número de empresas legalizadas que permanecerão exercendo suas atividades no município, gerando empregos e desenvolvendo a economia local”, explicou a coordenadora regional do Sebrae da Baixada Fluminense II, Margareth Kelly.

Para requerer o alvará, o empresário interessado deve acessar o site da Jucerja (www.jucerja.rj.gov.br). O portal conta com manuais e informações sobre documentação, seus passos e taxas necessárias para a obtenção da permissão. Ao cumprir as etapas, o empreendedor precisa monitorar as notificações e exigências solicitadas pelos órgãos até a emissão do alvará.

“Esse lançamento é um marco histórico em termos de quebrar a burocracia. Hoje estamos colocando Magé entre as melhores práticas que existem no mundo em termos de abertura e legalização de negócios de baixo risco, que representam mais de 95% dos negócios submetidos a registros na Junta Comercial”, destacou o presidente da JUCERJA, Luiz Paranhos Velloso.

Foto: Gerson Peres



Deixe uma resposta