MAGÉ SEDIA LANÇAMENTO DE PLANO ESTRATÉGICO PARA DESENVOLVIMENTO DO TURISMO SUSTENTÁVEL NA BAIXADA

A terra de Garrincha, de cachoeiras maravilhosas e de patrimônios que representam a História do Brasil, foi escolhida para o lançamento do Plano Estratégico do Turismo da Baixada Verde. Nesta segunda-feira (9) foi realizada a apresentação do projeto, na Cooperativa de Pau Grande. Ao todo, dez municípios estão envolvidos no Plano que visa realizar ações para o desenvolvimento do turismo sustentável na Baixada Fluminense, oferecendo destinos com rotas rápidas de viagem.

O planejamento estratégico contou com várias etapas onde foram realizadas oficinas que vão desde o percentual de território verde na região (turismo de natureza, rural e de aventura), até o despertar da população local para o investimento em turismo. Entre as ações prioritárias estão aprovações de Leis voltadas para a regulação do segmento e formação de conselhos municipais e regionais, assim como já existe em Magé o Comtur (Conselho Municipal de Turismo).

“Uma das nossas principais preocupações aqui em Magé é com a estrutura de recepção. Temos muitos produtos turísticos para serem desenvolvidos em nossa cidade e o potencial de realizar isso em conjunto é enorme. Vamos fortalecer o município para mostrar Magé a altura de sua importância histórica, Brasil a fora”, destacou o secretário de Esporte, Turismo, Lazer e Terceira Idade de Magé, Wagner Rosa, que apresentou o Plano Estratégico de Turismo da Baixada Verde.

Participaram da cerimônia, autoridades dos municípios de Magé, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados, São João de Meriti e Seropédica, representantes de associações e entidades de hotelaria e agências de viagens, assim como guias turísticos e especialistas na área.

Secretários municipais de Magé também compareceram ao evento em apoio ao projeto e instituições como Sebrae/RJ e a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), que participaram ativamente na construção do Plano, também foram representados.

“A gente vive um momento de crise em todo o país e não podemos deixar a peteca cair. Não podemos deixar a cultura e o turismo de lado. E aqui em Magé, a gente leva essas pastas muito à sério. Como é bom estar aqui neste lugar privilegiado, na terra de Garrincha, da primeira ferrovia do Brasil, igrejas históricas entre tantas belezas naturais. Sabemos que a experiência de agir em conjunto dá certo, assim como fazemos com os consórcios da Saúde e da Agricultura, e acredito na força do trabalho conjunto, conforme realizamos aqui em Magé”, disse o prefeito Rafael Tubarão.

Fotos: Gerson Peres



Deixe uma resposta