QUATRO UNIDADES DE SAÚDE DA FAMÍLIA GANHAM POLO DE FISIOTERAPIA

Em junho, os Centros de Fisioterapia de Mauá e Santo Aleixo serão reabertos

A Prefeitura de Magé está reestruturando a fisioterapia da cidade. Em janeiro, a atual gestão assumiu o município com os centros e polos fechados e reabriu as unidades de Magé e Fragoso. Para atender a demanda e facilitar a vida dos magenses, a Secretaria de Saúde colocou o atendimento especializado também nas Unidades de Saúde da Família (USFs) Santa Dalila, São Francisco e Buraco da Onça e na UBS Guarani I. 

“Pegamos os centros de fisioterapia fechados, sem aparelhos e com poucos profissionais. No início da gestão reabrimos o de Magé e Fragoso. Só que não supriu ainda a demanda que é muito grande e por isso colocamos o serviço também nas quatro unidades. Estamos acolhendo esses pacientes que se deslocavam para os centros que são mais distantes, a fisioterapia mais perto de casa também garante o acesso”, explica Silvana Fernandes, coordenadora de fisioterapia do município. 

A Penha Maria mora no Buraco da Onça e tinha que ir até a fisioterapia de Fragoso. A aposentada frisou a facilidade do serviço no bairro. “Era tudo que eu necessitava, porque minha fisioterapia é permanente. Já faço há 28 anos, quando não consigo na Prefeitura faço particular, porque não posso parar. Não preciso mais ir à fisioterapia em Fragoso, porque agora tem dentro do meu bairro e o atendimento está cada dia melhor”, conta. 

A fisioterapia é muito importante na reabilitação dos pacientes que tiveram AVC, como o Jorge Luiz Machado, de 57 anos, que chegou sem andar no polo da UBS Guarani I. 

“Passei mal e tive um AVC que paralisou, praticamente, todo meu lado direito e a minha voz. Quando cheguei aqui não conseguia nem andar e hoje já estou até dirigindo. Também consegui uma fonoaudióloga, porque estava falando tudo enrolado, agora estou dando até entrevista. O tratamento foi ótimo e só tenho que agradecer a toda equipe”, agradece Jorge.

A USF Buraco da Onça está atendendo também os assistidos do Parque Caçula, Jardim Nazareno e Beco do Saci. A UBS Guarani I as USFs Horto, Maurimárcia, Ilha, Parque Santana e Guarani I e II. Já a de Santa Dalila também os referenciados pela Conceição e Partido e a USF São Francisco todo o bairro que é extenso. 

Segundo a coordenadora, as consultas são marcadas nas próprias USFs. “Para o atendimento em uma das unidades, o mageense precisa procurar a própria USF para que ele seja encaminhado e faça o tratamento”, detalha.

Fotos: Lucas Santos