SECRETARIA DE SAÚDE DE MAGÉ REALIZA AÇÃO EDUCATIVA EM ESCOLA ESTADUAL

Mais de 350 adolescentes do CIEP 127 Maurimárcia participaram do evento promovido pela Secretaria de Saúde, em parceria com o Núcleo Ampliado de Atenção à Saúde da Família (NASF), para debater temas como saúde sexual e reprodutiva, bem estar e alimentação saudável, saúde da população negra, violência, entre outros. As conversas foram conduzidas por profissionais correspondentes à área: nutricionistas, psicólogos, assistentes social, farmacêuticos, fonoaudiólogos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e educadores físicos.

“A proposta do evento estava em buscar o jovem no ambiente deles. A adesão e participação foram incríveis, tanto nos painéis de arte, quanto nos serviços. Conseguimos algumas ações diretas como a atualização da caderneta de vacinação e testagem rápida para infecções sexualmente transmissíveis (ISTs),” disse Danielle Rogoginsky, coordenadora do NASF.

Os dados divulgados pelos órgãos de pesquisa revelam a urgência desses debates. Em 2021, a taxa de gestantes com menos de 17 anos no Brasil foi de 57%, um pouco menos que em países da África Subsaariana, onde passa dos 60%, segundo relatório do Fundo de População das Nações Unidas (Unfpa). Já o Atlas de Violência revela que os casos de homicídio de pessoas negras (pretas e pardas) aumentaram 11,5% em uma década. A ONU divulgou em 2020, mais de 2,3 bilhões de pessoas (30% da população mundial) não tiveram acesso à alimentação saudável.

“Os temas debatidos foram de interesse do público jovem e adolescente. Falamos sobre prevenção de gestação indesejada e gravides precoce, conversamos sobre a saúde da população negra e a diminuição de preconceito, bullying e a importância do respeito. Cada aluno tem uma individualidade e precisamos aceitar isso. Além do discurso, é importante levar os serviços públicos para toda população mageense e é isto que a Secretaria de Saúde tem feito”, afirma Danielle

Além dos serviços citados, estiveram presentes o programa de prevenção à saúde bucal, programa de 10 Minutos Contra a Dengue, profissionais da brigada de incêndio e do Centro Nacional de Prevenção e combate aos incêndios florestais (PREVFOGO).

Notícia anteriorAÇÃO SOCIAL MAIS AMOR POR VOCÊ É SUCESSO EM SURUÍ
Próxima notíciaESCOLAS DE TRÊS DISTRITOS DESFILAM NA PRÓXIMA SEMANA