MORRO DA CAIXA D’ÁGUA RECEBE 200 TONELADAS DE CONCRETO NA RUA NILÓPOLIS

Obra beneficia cerca de 700 famílias do local. A Estrada da Cascata também está sendo concretada

A Míriam e a Giseli moram na parte alta do Morro da Caixa D’água, em Santo Aleixo, e, assim como outras 700 famílias, estão agradecidas pela concretagem da Rua Nilópolis. Agora, elas entram e saem de casa com comodidade. O prefeito de Magé, Renato Cozzolino, esteve no segundo distrito, na última segunda-feira (25/04), e disse que outras localidades também terão o acesso concretado. E já nesta quinta-feira (28/04), Renato cumpriu o que disse e foi à Estrada da Cascata, em Rio do Ouro, dar início a outra intervenção semelhante, para melhorar o tráfego até a cachoeira do Véu da Noiva, importante ponto turístico da cidade.

A obra em Santo Aleixo – foram usadas 200 toneladas de concreto para cerca de 1 km de rua – foi a primeira do tipo finalizada nesta gestão. “Essa ação foi uma promessa minha de campanha e o sonho está sendo realizado. Quero me comprometer com a população de Santo Aleixo que esse trabalho chegará a outras localidades”, declarou o prefeito. Coordenador Regional da Secretaria Municipal de Infraestrutura no segundo distrito, Vagner Alves, o Vaguinho, disse que foram duas semanas entre preparação do solo e derramamento do concreto. Ele informou que 18 caminhões realizaram a empreitada. “Sou vizinho do Morro da Caixa D’água e sei o quanto sofriam aqui com os pedregulhos nas ruas”, destacou.

Nascida no bairro, Giseli Fernandes, 36, contou que as melhorias vão facilitar a assistência à sua mãe. “Antes, com os buracos que existiam, era muito complicado levar a minha mãe para o hospital quando era preciso. Eu precisava contar com a ajuda dos vizinhos para carregar ela, que é ‘fortinha’, no colo até uma parte do morro onde chegava o carro para a assistência”, relatou. Miriam Motta Oliveira, 56, mora há 30 anos na Rua Nilópolis. Com a concretagem, ela comemorou que os serviços passaram a chegar na porta de sua casa: “A moto dos Correios não vinha até aqui quando a rua estava muito ruim. Ontem, o funcionário entregou a encomenda no meu portão e elogiou o concreto”.

(Fotos: Lucas Santos)

Notícia anteriorMAGÉ ENCERRA ETAPA MUNICIPAL DA CONAE 2022
Próxima notíciaTURISMAGÉ REALIZA VISITA A SANTO ALEIXO E DISTRITO AGRÍCOLA