SETEMBRO AMARELO: MAGÉ DÁ VISIBILIDADE NA CAMPANHA CONTRA O SUICÍDIO

Para marcar o mês de conscientização contra o suicídio, a Prefeitura Municipal de Magé aderiu à campanha Setembro Amarelo e foi pra rua conversar com a população sobre os serviços oferecidos pela rede de saúde municipal. A caminhada partiu do Complexo de Saúde Mental em Flexeiras e foi até o Morro do Bonfim, ambos no primeiro distrito, passando pelo comércio e orientando a população a prestar atenção e entender que “suicídio não é drama”, como diz o panfleto entregue pelos agentes.

“Devemos falar sobre saúde mental todos os meses do ano. Vários hábitos ajudam, como manter amizades, conversar com as pessoas próximas, fazer exercícios físicos e se alimentar bem. Sabemos que estamos em um momento de pandemia que é critico para todo mundo, mas é importante manter o foco e evitar algumas notícias ruins”, aconselha a coordenadora técnica do Centro de Atenção Psicossocial, Gabriele Ribeiro.

De acordo com a OMS, 300 milhões de pessoas sofrem de depressão ou ansiedade no mundo e o Brasil é o oitavo entre os países com maior número de suicídios. Uma consulta de psicoterapia custa, em média, de R$ 100 a R$ 150, segundo o Conselho Federal de Psicologia, por isso, a secretária de Saúde, Larissa Storte, afirma que é importante oferecer esse serviço gratuito.

“Quem necessitar, basta ir à USF mais próxima da sua residência, onde está cadastrado, passar pela avaliação do clínico e expressar a vontade de fazer parte do grupo do Caps ou de passar pelo serviço de psicologia para uma ajuda”, explica Larissa

Todos os endereços das USFs se encontram no site mage.rj.gov.br

Notícia anteriorPREFEITURA FORMA 73 CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM AGENTES MIRINS DA DEFESA CIVIL
Próxima notíciaPREFEITURA SEGUE COM OBRAS DE DRENAGEM NO BARRO VERMELHO EM SURUÍ