CEAM ATENDEU 270 MULHERES NO PRIMEIRO ANO DE FUNCIONAMENTO

População feminina procurou centro especializado para relatar casos de violência

[responsivevoice_button voice="Brazilian Portuguese Female" buttontext="Ouvir"]

“Uma mulher deve ser duas coisas: o que ela quiser e ser respeitada por isso”. Essas palavras estão estampadas na sala de recepção do Centro Especializado de Atendimento à Mulher Mageense (Ceam), inaugurado há exato um ano, no Centro de Piabetá. Para comemorar o primeiro aniversário da instituição, a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos realizou, na última quinta-feira (29/12), uma cerimônia para falar das conquistas e dos desafios. Até agora, o Ceam atendeu 270 mulheres vítimas de violência na cidade. “As cidadãs de Magé sabem que podem contar comigo e que têm em mim um aliado na luta em prol de políticas públicas de apoio a elas”, garantiu o prefeito Renato Cozzolino.

Anfitriã do evento, a secretária de Assistência Social, Flávia Gomes, acompanhada da primeira-dama da cidade, Lara Torres, explicou que o atendimento no Ceam é especializado para que a mulher seja tratada e acolhida de uma forma humanizada: “Aqui, o nosso trabalho é direcionado e conta com a dedicação de uma equipe preparada para isso. São profissionais como assistentes sociais e psicólogos e todo o apoio jurídico para que elas se sintam empoderadas e estimuladas a defenderem os seus direitos e a saírem dessa situação de violência”. Flávia aproveitou para destacar as demais ações que o município tomou para o enfrentamento da violência de gênero: as leis de criação da Patrulha Maria da Penha Municipal e de responsabilização de homens agressores a partir da participação dos mesmos em grupos reflexivos.

A coordenadora do Ceam, Karoliny Senna, disse, durante seu discurso de agradecimento à equipe do centro, que, apesar do atendimento às mulheres ser sigiloso, é importante que o serviço prestado tenha ampla divulgação no município. “É um marco importante a instalação do Ceam em Magé. Atendemos mulheres de diversas regiões da Baixada Fluminense que se sentem acolhidas aqui”, declarou. Recém-empossada como presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher, Sandra Silva também participou da comemoração. “O Ceam é um avanço importante, mas ainda há muito para ser feito para livrarmos as mulheres do feminicídio e de todo tipo de violência”, comentou.

(Fotos: Gilson Jr.)

Rede de Proteção às Mulheres Vítimas de Violência em Magé:

Centro Especializado de Atendimento à Mulher Mageense (Ceam)

Rua Mário de Brito, 119, em Piabetá
Tel.: 98604-7887

Patrulha Maria da Penha / Guardiões da Vida / 34 BPM

Whatsapp 99205-8349

Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher

Tel.: 2633-3125

Coordenadoria de Políticas Públicas da Mulher de Magé

Whatsapp 95909-0157

65° Delegacia de Polícia – Magé

Tel.: 2633-4415 / 4147

66° Delegacia de Polícia – Vila Inhomirim

Tel.: 3399-5266

Ministério Público – Piabetá

Tel.: 3655-7859

Fórum Piabetá

Avenida Santos Dumont , s/n, Parque Santana
Tel.: 3655-7859

Fórum Magé

Rua Dr. Domingos Belizze, 178, Centro
Tel.: 3725-6000

Notícia anteriorLISTAGEM FINAL DE QUIOSQUES E AMBULANTES PARA O RÉVEILLON EM MAGÉ
Próxima notíciaFUNCIONAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO NO RÉVEILLON DE MAGÉ