MAGÉ É FINALISTA DE PRÊMIO DO SEBRAE RJ

Premiação reuniu um total de 39 municípios distribuídos em 50 projetos inscritos

Magé foi um dos 30 finalistas do XI Prêmio Prefeito Empreendedor, do Sebrae, de um total de 39 municípios inscritos com 50 projetos. O governo do prefeito Renato Cozzolino competiu na categoria Marketing Territorial e Setores Econômicos, com outras 15 cidades fluminenses. A cerimônia de entrega das placas aos finalistas e troféus aos ganhadores nas oito categorias do prêmio foi realizada nesta quarta-feira (06-04), no auditório da Fecomércio, no Flamengo, Zona Sul carioca.

Além do prefeito Renato Cozzolino, compareceram à cerimônia de premiação o secretário municipal de Trabalho, Emprego, Indústria, Comércio e Geração de Renda, Fernando Cozzolino; a diretora de Desenvolvimento, Priscila Ferreira e o diretor de Agricultura, Luis Gustavo Ramos.

Magé concorreu ao prêmio com o projeto “Parceria que leva ao crescimento social e econômico”, mostrando o apoio do governo municipal aos pequenos agricultores na redução de custos de produção e incentivo ao empreendedorismo.

Ao longo de 2021, primeiro ano do governo Renato Cozzolino, a Prefeitura intermediou oferecendo frete para a compra compartilhada de calcário diretamente na mineradora, no Noroeste Fluminense, para 144 agricultores familiares e compra coletiva de mudas de palmito para 60 produtores.

No primeiro caso, cada saco de 50 quilos do insumo saiu a R$ 9 com o apoio da Prefeitura, ou seja, uma redução de 50% no custo da compra para os agricultores. Em relação ao segundo, a economia foi de 150%, isto é, cada muda foi adquirida por R$ 1,50 o valor unitário.

As demais sete categorias da premiação foram as seguintes: Desburocratização, Sala do Empreendedor, Compras Governamentais, Empreendedorismo na Escola, Inovação e Desburocratização, Inovação e Sustentabilidade, Governança Regional e Cidade Empreendedora.

Fotos – Lucas Santos

 

Notícia anteriorNAVE ENEL ESTACIONA NA E.M. MARIA CLARA MACHADO
Próxima notíciaSAÚDE BUCAL: INVESTIMENTO DA PREFEITURA AMPLIA O ATENDIMENTO EM 95% DESDE O INÍCIO DA GESTÃO