3 MIL PESSOAS PARTICIPAM DO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE MAGÉ

[responsivevoice_button voice="Brazilian Portuguese Female" buttontext="Ouvir"]

O processo seletivo para professores, de nível médio e superior, da rede municipal de Educação de Magé, aconteceu neste domingo (8). Os aprovados serão chamados de acordo com a necessidade do quadro de reservas. As etapas do processo seletivo estão divididas em: redação valendo 100 pontos, títulos valendo 10 e inspeção médica. Em caso de empate no somatório dos pontos obtidos pelos candidatos, o desempate será feito considerando a maior pontuação na redação ou candidato de maior idade.

“Magé é um município de tradição na área da educação. Temos grandes profissionais da área em nossa cidade. Este processo seletivo visa suprir uma necessidade urgente. Queremos iniciar o ano com profissionais suficientes para suprir a carência de nossas unidades. Esse é o objetivo, estarmos preparados para receber nossos alunos com a estrutura e organização que eles merecem,” disse a secretária de Educação e Cultura, Sandra Ramaldo.

Ex-aluno da rede municipal de Magé e normalista, Richard Gabriel, de 21 anos, disse que o processo seletivo é uma oportunidade de realizar um sonho.

“Sempre quis ser professor, desde quando estudava aqui. Sempre ajudei os professores e conversava muito com a diretora sobre esse desejo. Estar de volta na Escola Municipal Oswaldo Portella é louco, não esperava. Quando abri o edital e vi que o polo da prova seria aqui nem acreditei. Meu desejo é continuar esse ciclo. Me identifiquei muito com as pessoas daqui, gosto muito dessa escola e acho excelente”, conta o candidato.

Segundo a pedagoga Maria do Carmo, de 65 anos, o processo seletivo é uma oportunidade justa para os professores de Magé.

“A gente é qualificada e muitas vezes não consegue oportunidade por falta de provas, processos seletivos e concursos. Acontece muito de pessoas sem qualificação conseguir estas vagas sem o mérito. O processo seletivo nos dá essa igualdade de oportunidade,” afirmou.

 

 

Notícia anteriorMAGÉ EMPOSSA CONSELHO DE FISCALIZAÇÃO DOS RECURSOS DO FUNDEB
Próxima notíciaDOIS ANOS DE GOVERNO: HABITAÇÃO EMITIU 53 ALVARÁS DE CONSTRUÇÃO E 181 HABITE-SE